Escapadinha em Portugal | Roteiro de Dois Dias no Ribatejo

Sabem como descobrir a essência de um lugar e terem a certeza de que escolheram o destino certo? Olhando para os olhos de um habitante local, enquanto vos fala da sua terra. Se os olhos brilharem e o orgulho que sente transbordar por todos os seus poros em catadupa,  então não há dúvidas. Foi isso mesmo que encontrei quando visitei recentemente os concelhos de Abrantes, Sardoal e Constância, e é por isso que hoje vos trago este roteiro para uma escapadinha em Portugal, mais concretamente no Ribatejo, que prometo que vos fará voltar para casa de brilho nos olhos e alma satisfeita.


Localização Geográfica | Ribatejo

É no coração de Portugal que se encontra a região do Ribatejo. Apesar de serem vários os concelhos que compõem esta zona, neste roteiro de escapadinha baseio-me apenas em três: Abrantes, Sardoal e Constância, os que visitei quando por lá andei recentemente. Encaixada entre o Alentejo, a Beira Baixa e a Beira Litoral, esta é uma região que enche as medidas de quem a visita, pela sua variedade de paisagens, costumes e gastronomia. 


Como Chegar 

De transportes públicos

Tendo como ponto de chegada Abrantes para esta escapadinha, existem várias formas de lá chegar, vindos de qualquer ponto do país.  Se preferirem não conduzir, a Rede Nacional de Expressos liga o centro da cidade a vários outros pontos do país através de autocarros de turismo. Como alternativa poderão optar pelo comboio a partir de Lisboa, Porto e Coimbra. A estação de comboios encontra-se a cerca de 2 kms de distância do centro de Abrantes. 

De carro

A A1 é a autoestrada a seguir se vierem de Lisboa ou do Porto. A partir daí, devem sair para a A23. Por Abrantes passam ainda as estradas nacionais N2, N3 e N118.

É importante referir que na A1 têm portagens onde o pagamento é manual (excepto na Via Verde) e na A23 existem portagens automáticas. O pagamento aqui é feito de forma automática se tiverem o dispositivo eletrónico instalado no veículo, caso contrário o pagamento terá de ser feito posteriormente.  No caso de viajarem num carro alugado, dependendo da companhia de aluguer escolhida, o valor poderá ser automaticamente debitado no vosso cartão.  


Melhor Altura Para Visitar

Uma boa ideia para o planeamento da vossa escapadinha é conseguir conciliar a vossa ida com uma altura de festa na região. Isto se sossego não for o principal critério e se tiverem como objetivo embrenharem-se na cultura local, claro. 

Infelizmente, este ano (2020) as festas foram praticamente todas canceladas por razões relacionadas com o COVID, mas estou certa que no próximo ano já estarão todas de volta, pelo que fica aqui uma pequena lista com algumas das principais celebrações nos concelhos de Abrantes, Sardoal e Constância ao longo do ano. 

Festas de Abrantes

Foto de Câmara Municipal de Abrantes

Fevereiro
– Encontro Ibérico do Azeite (Abrantes)
– Feira de São Matias (Abrantes)

Abril
– Festas do Concelho / Festa de Nossa Senhora da Boa Viagem (Constância)

Maio
– Sardoal Jazz (Sardoal)

Junho
– Festas da Cidade de Abrantes (Abrantes)

Setembro
– Festival ao Alto (Abrantes)
– Festas do Concelho (Sardoal)

Outubro
– Feira Nacional de Doçaria Tradicional (Abrantes)


Onde ficar alojado

Nesta escapadinha, por uma questão de comodidade, sugiro que procurem alojamento o mais perto possível de Abrantes. Eu fiquei alojada no Pego, a poucos minutos de distância do centro da cidade, num turismo rural chamado Vale de Ferreiros. Se é sossego que procuram, é aqui que o encontram.

Composto por três zonas distintas de alojamento – Casa das Janelas Verdes, Casa de Campo e Casas da Aldeia, Vale de Ferreiros é também um pequeno paraíso para quem nutre uma enorme paixão por cavalos, uma das suas vertentes. Porque não juntarem à vossa estadia algumas aulas de equitação ou um passeio a cavalo à beira rio, pela aldeia ou pela zona envolvente à propriedade?

Reservas Vale de Ferreiros


Gastronomia Típica e Pratos Tradicionais

Vamos lá falar do que realmente interessa: comida. Se são como eu, uma das primeiras coisas que vos ocorre assim que chegam ao destino da vossa escapadinha é aquela velha questão: onde é que vamos almoçar/jantar? Há melhor prazer do que nos regojizarmos com a descoberta de pratos tradicionais repletos de sabores intensos e ingredientes de primeira qualidade? O que vos posso dizer é que se há uma coisa que esta zona de Portugal faz bem, é comida. 

Produtos Regionais

A gastronomia regional está assente em pratos de carne, principalmente de porco e cabrito, mas também de javali, coelho, lebre e perdiz, e em pratos de peixe do rio como o Achigã, o Sável, a Lampreia, Enguias ou Fataça. Nas sobremesas destacam-se os doces conventuais como a Palha de Abrantes. A não perder: as Tigeladas, as Broas de Mel ou dos Santos, a Lampreia, as Limas, as Castanhas Doces e os Mulatos. O azeite e o mel também são outros dois produtos regionais de destaque. 


Vê também o artigo
Escapadinha pela Beira Baixa


Roteiro Escapadinha 

Dia 1 Escapadinha no Ribatejo | Abrantes & Sardoal 

Visitar o Jardim do Castelo de Abrantes

O primeiro dia desta escapadinha começa com uma passagem pelo Jardim do Castelo de Abrantes. Datado do final do século XIX, o jardim, decorado com vários canteiros de flores e preenchido por extensos espaços verdes, é um dos locais mais fotografados da cidade. Não é dificil perceber porquê: não só o Jardim é o local perfeito para um passeio tranquilo seja logo ao inicio da manhã ou ao final da tarde, como também oferece uma vista sem igual sobre a cidade de Abrantes. 

Ver a vista a partir do Castelo de Abrantes

De origens desconhecidas, estima-se que o Castelo de Abrantes remonte à época romana. Foi, ao longo dos anos, utilizado para diversos fins, mais recentemente, até 1954, como quartel militar. Apesar de o Castelo se encontrar neste momento encerrado ao público, sem data prevista de abertura, é aqui que encontram uma vista ainda melhor do que a do Jardim, sobre a cidade e o rio Tejo. Por isso, se por altura da vossa escapadinha o encontrarem aberto, não hesitem em entrar.

Percorrer as ruas do centro histórico de Abrantes

Uma das primeiras coisas em que se repara ao chegar a Abrantes, são as inúmeras casas senhoriais que se encontram espalhadas pela cidade. Umas recuperadas, outras já apenas  vestígios de uma época em que ali viviam familías abastadas, cuja fortuna provinha de uma indústria local farta e bem sucedida.

Centro de Abrantes

Um passeio pelo centro histórico de Abrantes revela deliciosos pormenores arquitetónicos com traços de belle epoque que, há quem diga, faz lembrar Paris. A não perder uma passagem pela Drogaria Nova, uma pequena loja encantadora, repleta de produtos vintage portugueses; pelo O Meu Escritório é Lá Fora, para beberem um pouco da inspiração que o Carlos Bernardo, o seu proprietário e viajante inveterado, nos traz através da sua exposição de fotografias pessoais de viagem e para encherem a memória da vossa máquina fotográfica com retratos da sua fachada original; pela Mercearia Merceneta, repleta de produtos regionais; pela Gelataria Lis, onde se encontram os melhores gelados da cidade e finalmente pelo Café Tonho Paulos, caso vos apeteça uma das melhores bifanas de Abrantes a meio da manhã (sem julgamentos).

Almoço no Restaurante Cascata

A meio do dia, há que fazer uma pausa para se deliciarem com algumas das melhores iguarias tradicionais da zona. Sugiro que esta primeira refeição seja feita no Restaurante Cascata, localizado a cerca de 10 minutos de distância de carro do centro da cidade. Não há dúvidas do bom trabalho que tem vindo a ser feito ao longo de várias décadas pela proprietária Fernanda Martins e a sua filha Carla que até já viram um dos seus pratos (Achigã com Migas de Broa de Milho) premiados.

Pratos recomendados: Sopa de Peixe Achigã; Achigã com Migas de Broa de Milho (premiado); Bucho; Maranho; Palha de Abrantes (sobremesa)
Morada: R. Manuel Lopes Valente Júnior 19 A, 2200-260 Abrantes

Dar um mergulho na Praia Fluvial de Fontes

A seguir ao almoço é hora de rumar em direção à Albufeira da Barragem de Castelo de Bode para um mergulho bem merecido nas suas águas frescas. É na Praia Fluvial de Fontes, a meia hora de distância de carro de Abrantes que esse tão esperado mergulho acontece. Servido por um excelente bar de praia, e com acesso a uma piscina flutuante encaixada nas águas da Albufeira, sentir-se-ão num verdadeiro paraíso ribatejano. Se sentirem uma urgente necessidade de adrenalina, então aproveitem escolher entre os vários desportos náuticos disponíveis, como wakeboard, SUP, ski aquático ou um passeio de bóia, por exemplo.  

Prova de Vinhos Quinta Vale do Armo

Com o mergulho tomado, está na hora de seguir para o vosso próximo destino: o Sardoal. É aqui que encontram a Quinta Vale do Armo, onde vos espera uma visita à sua adega, seguida por uma deliciosa prova de vinhos locais, orientada pelo seu simpático e conhecedor vitivinicultor e enólogo Tiago Alves. Não se esqueçam de marcar com antecedência e aceitem este conselho: juntem à prova alguns petiscos regionais. Não se vão arrepender, garanto. A luz do entardecer torna a vinha num verdadeiro paraíso para fotógrafos amadores ou profissionais, por isso aproveitem-na ao máximo. 

Jantar Restaurante Santa Isabel 

De alma cheia, sugiro um regresso ao vosso alojamento para uma pequena sesta e um banho antes de jantar, caso sintam necessidade. O jantar está marcado num dos restaurantes mais populares da cidade de Abrantes, o Santa Isabel. Preparem-se para não quererem deixar o restaurante, mesmo depois de já satisfeitos com a incrível refeição repleta de pratos tradicionais. A razão? O conforto do ambiente pitoresco que este espaço nos oferece. 

Prato recomendado: Filetes de Polvo com Arroz Malandro de Feijão
Morada: R. Santa Isabel 12, 2200-393 Abrantes


Dia 2 Escapadinha no Ribatejo | Abrantes & Constância

Visita ao Miradouro e Praia Fluvial do Penedo Furado

Por maior que seja a tentação de ficarem deitados na cama até mais tarde, a minha sugestão é que a resistam e se façam ao caminho assim que puderem. Há tanto para ver ainda e acreditem que não vão querer perder nada. O primeiro destino do dia é o Miradouro do Penedo Furado, a cerca de 20 minutos de distância de carro de Abrantes. Se uma vista desafogada sobre serras e montes cobertos de um manto verde feito de pinhais extensos, sobre a albufeira da Barragem de Castelo de Bode, o rio Zêzere, a ribeira do Codes,  e algumas casas das povoações envolventes, acompanhada pelo som de várias cascatas, se enquadra na vossa definição de paraíso, então este tem de ser o primeiro destino do vosso segundo dia desta escapadinha em Portugal. 

Vista do Miradouro do Penedo Furado

Se ainda houver tempo antes do almoço, não pensem duas vezes antes de passarem pela Praia Fluvial do Penedo Furado, o local onde a Ribeira de Codes se encontra com as águas do Rio Zêzere. Se vos disser que foi uma das três finalistas do concurso Maravilhas de Portugal na categoria Praias de Rios em 2012, ficam mais interessados em lá ir?

Praia do Penedo Furado

Foto de Carlos Bernardo | O Meu Escritório é Lá Fora

Visita ao Miradouro das Fontes

Antes de seguirem para Constância, o vosso último destino nesta escapadinha antes do regresso a casa, passem pelo Miradouro das Fontes, localizado na aldeia de Fontes, a 15 minutos de distância do Penedo Furado. A vista sobre a albufeira de Castelo de Bode é absolutamente incrível a partir deste local e considerada até a mais bonita de todo o concelho de Abrantes. 

Vista do Miradouro das Fontes

Visita ao Museu Metalúrgica Duarte Ferreira 

Uma visita de cerca de 30 minutos de duração fez com que o Museu Metalúrgica Duarte Ferreira (vencedor do Prémio Museu do Ano em 2018) rapidamente se encaixasse na minha lista de museus preferidos. Localizado no antigo edifício central da antiga Metalúrgica Duarte Ferreira, no Tramagal, o museu não só está extremamente bem organizado e desenhado (obra da incrível museóloga Ligia Marques, responsável também pela muito interessante visita guiada), como também tem o dom de contar de forma exímia a história desta que foi em tempos uma das maiores indústrias de Portugal, desde o seu nascimento até ao seu declínio pós-25 de Abril. As visitas guiadas recomendam-se e devem ser marcadas com antecedência. 

Morada: Rua Comendador Eduardo Duarte Ferreira nº 116, 2205-697 Tramagal

Almoço Restaurante Dom José Pinhão | Constância

A entrada em Constãncia faz-se pelo estômago. Depois de estacionarem o carro, sigam diretamente para o restaurante Dom José Pinhão. Que se iniciem as hostilidades no que diz respeito ao deglutir de alguns dos melhores exemplos da comida regional do centro de Portugal.

Pratos recomendados: Lombinhos de Fataça com Açorda de Ovas; Lombinhos de Javali com Arroz e Esparregado; Leite Creme. 
Morada: R. Luís de Camões 4, 2250-035 Constância

Passeio pelo centro histórico de Constância

Com o “pecado” da gula riscado da lista, espera-vos um passeio prolongado pelo centro histórico da encantadora Constância. Em tempos local de emprisionamento do mais famoso escritor português de sempre, Luís de Camões, a ribeirinha Constância oferece a quem a visita uma autêntica viagem no tempo até ao século XVI, altura em que foi feita vila, cinco séculos depois de ter sido conquistada aos mouros. 

E aqui termina este roteiro de escapadinha pelo Ribatejo, mais concretamente pelos concelhos de Abrantes, Sardoal e Constância. São só dois dias e há muito mais para ver, acreditem. Mas para já, ficam muito bem servidos e voltam para casa com a certeza de um fim de semana bem aproveitado. 

Visitei Abrantes, Sardoal e Constância a convite. As opiniões neste artigo continuam no entanto a ser as minhas, sem qualquer influência de terceiros.

Gostaste do artigo? Então não te esqueças de deixar um comentário abaixo e de seguires o Joland através do Instagram e Facebook!

Este artigo poderá conter links de afiliados.

☆ Aproveita o desconto de 5% para seguidores do Joland na compra de um Seguro de Viagem IATI através deste link: Seguro de Viagem IATI ☆ 
➪ Planeia a tua viagem com estes links úteis

Alojamento:
Para reservas de alojamento uso sempre o Booking ou o AirBnb.

Reservar Voos:
Para encontrares os melhores voos para as tuas viagens recomendo o Skyscanner.

Seguro de Viagem:
Para te manteres segura em viagem recorre aos seguros da IATI Seguros* ou da World Nomads* aproveita o desconto de 5% nos seguros da IATI ao reservares através do link acima

Tours e Atividades:
Para reserva de tours e atividades em vários destinos recomendo a Get Your Guide

Alugar Carro:
Para alugar carro uso sempre a Rentalcars.com

Transportes
Para compra de bilhetes para transportes na Ásia recomendo o 12go.asia ou o Baolau

Autor

Nascida e criada em Lisboa, Portugal, mas apaixonada pelo mundo. Adoro partilhar as minhas histórias de viagem, fotografias e videos e aconselhar e inspirar quem partilha a mesma paixão pelas viagens!