15 razões para visitar as aldeias históricas da Serra da Estrela

Quando falamos em visitar a Serra da Estrela, é inevitável pensarmos quase de imediato em encostas montanhosas cobertas de neve, mas a verdade é que esta região tem muito mais para oferecer ao longo de todo o ano. 

Para além de paisagens verdes de perder de vista, a Serra da Estrela oferece também a quem a visita a oportunidade de mergulhar na história e alma portuguesas. Entre vales e montanhas rochosas e verdejantes, escondem-se aldeias históricas que testemunham séculos de tradições e costumes ainda hoje fortemente enraizados.

Neste artigo dou 15 razões para visitar as aldeias históricas da Serra da Estrela. Seja no verão, outono, inverno ou primavera, há sempre uma razão para incluir esta região nos planos de férias ou escapadinhas em Portugal. 


15 Razões para visitar as aldeias históricas da Serra da Estrela

1. Descobrir a herança judaica em Portugal

Mesmo que nunca tenhas pensado profundamente neste assunto, é inevitável não sentir o despontar de um certo fascínio pela história dos judeus sefarditas em Portugal ao visitares as aldeias históricas de Belmonte e de Trancoso.

Aldeia histórica de Belmonte | Visitar a Serra da Estrela
Centro de Formação Judaica | Aldeia Histórica de Belmonte

Desde símbolos secretos ainda hoje gravados no exterior das casas, ao Museu Judaico em Belmonte e o Centro de Interpretação Isaac Cardoso em Trancoso: há muito para descobrir nestas duas aldeias sobre duas das maiores comunidades judaicas em Portugal, com origens na Idade Média.

2. Viajar até tempos de reis e rainhas

Para quem, como eu, não consegue deixar de ser transportado no tempo ao visitar as ruínas de um castelo, as aldeias históricas são um ponto de passagem obrigatória numa visita à Serra da Estrela. 

Castelos como o de Linhares da Beira, extremamente bem conservado; o de Belmonte, intimamente ligado à história de Pedro Álvares Cabral; e o de Sortelha são ainda hoje testemunhas dos tempos áureos desta região.

Aldeia histórica de Linhares da Beira | Visitar a Serra da Estrela
Castelo de Linhares da Beira

3. Conhecer outros modos de estar

Para além do seu património cultural e histórico, há um aspeto das aldeias históricas que lhes dá grande parte do seu charme: as suas gentes. Passear pelas ruas das aldeias inclui sempre um bom dia dado com o vagar de quem já há muito as habita.

Da próxima vez que visitares uma aldeia histórica experimenta meter conversa com os habitantes locais para tentar perceber um pouco mais sobre a sua vida e os seus costumes. 

Aldeia histórica de Linhares da Beira | Visitar a Serra da Estrela
Habitante de Linhares da Beira

4. Fazer a introdução ao mundo do Parapente 

Para além das casas de pedra, castelo impressionante e vasto património cultural, há outro aspeto que distingue a aldeia de Linhares da Beira: o Parapente. 

As condições climatéricas a que está exposta, fez com que a aldeia recebesse o título de “Capital portuguesa do Parapente”. Todos os anos realizam-se aqui campeonatos nacionais e internacionais desta modalidade, atraindo centenas de participantes de todo o mundo 

Créditos: Juliette G. em Unsplash

5. Passear por uma das mais bonitas ruas de Portugal

Há uma rua em Trancoso que se tornou rapidamente uma das minhas ruas portuguesas preferidas. Emoldurada por inúmeras hortências de tons de azul e cor de rosa, a Rua da Alegria (em tempos a Rua da Judiaria) enche o olho a quem por ali passeia. 

Rua em Trancoso

Plantadas inicialmente pela D. Rosa e o seu marido há cerca de 40 anos, não tardou muito a que os vizinhos seguissem o exemplo. Hoje é um local de passagem obrigatória numa visita à aldeia histórica de Trancoso.

6. Viajar até às Invasões Francesas no século XVII

No dia 10 de junho de 1810, as tropas francesas davam início ao cerco da aldeia histórica de Almeida. O cerco duraria 18 dias, terminando com a rendição das tropas anglo-lusas ao exército francês. 

Aldeia histórica de Almeida | Visitar a Serra da Estrela
Recriação Cerco de Almeida | Aldeia Histórica de Almeida

Todos os anos, em agosto, Almeida relembra este momento histórico com uma recriação histórica com a duração de 3 dias, e cerca de 500 figurantes de várias nacionalidades, que se tornou num dos momentos mais aguardados pela população local e visitantes. 

7. Degustar algumas das melhores iguarias típicas portuguesas

Se há coisa em que Portugal é forte é, sem dúvida, a sua gastronomia. As aldeias históricas não são exceção. Não posso deixar de destacar as Sardinhas Doces de Trancoso, as Papas de Milho Doces de Sortelha, o Queijo da Serra da Estrela em Linhares da Beira, o Doce de Amêndoa de Marialva, os Bolos de Soda ou Ervilhas com Ovos de Belmonte e o Bacalhau com Leite de Castelo Mendo.

8. Descobrir a Cabeça da Velha e as Duas Pedras Beijoqueiras

Em Sortelha há 3 pedras que contam uma história de amor trágica entre a filha do Alcaide e um príncipe mouro, separados pelas artes mágicas da “Velha” mãe que, ao ver a filha a beijar o inimigo, os transformou em dois penedos. 

Cabeça da Velha | Créditos da imagem: Aldeias Históricas de Portugal

9. Pedir um desejo no Barroco dos Desejos

Diz a lenda que em Castelo Mendo há um barroco (penedo) que concede desejos. Para que este se concretize há que atirar uma pedra em direção ao barroco e certificar-se que esta cai exatamente em cima dele. 

Barroco dos Desejos | Créditos da imagem: Aldeias Históricas de Portugal

10. Descobrir uma das melhores fortalezas europeias do século XVII 

Construída em forma de polígono hexagonal e constituída por seis baluartes num perímetro de cerca de 2500 metros, a fortaleza da aldeia histórica de Almeida é um dos melhores exemplos de arquitetura militar barroca em Portugal e uma das melhores fortalezas europeias do século XVII. 

Foto aérea da Fortaleza de Almeida, Almeida

11. Conhecer a terra do famoso médico judeu retratado por Rembrandt 

Uma das curiosidades da fascinante aldeia histórica de Castelo Rodrigo está relacionada com um dos seus naturais. Efraim Bueno, um judeu nascido em Castelo Rodrigo em 1599 foi, durante 20 anos, o médico da família do pintor holandês Rembrandt, tendo sido retratado por ele duas vezes. 

Aldeia histórica de Castelo Rodrigo | Visitar a Serra da Estrela
Entrada da Aldeia Histórica de Castelo Rodrigo

12. Fotografar um dos pelourinhos mais altos da Beira Interior

É bastante comum passarmos por um pelourinho (símbolo máximo da justiça, local onde os criminosos eram castigados) ao visitar uma cidade ou vila antiga em Portugal. 

A aldeia histórica de Castelo Mendo não é exceção. A diferença do seu pelourinho em relação aos restantes, é que este, com 7 metros de altura, é um dos exemplares mais altos da Beira Interior. 

Aldeia histórica de Castelo Mendo | Visitar a Serra da Estrela
Pelourinho de Castelo Mendo

13. Visitar uma das melhores Feiras Medievais em Portugal 

Belmonte, a terra natal de Pedro Álvares Cabral, apresenta anualmente, em agosto, a Feira Medieval. Um evento que leva os visitantes a viajar no tempo e a passear nas ruas desta aldeia histórica entre cavaleiros, nobres, damas e afins. 

Aldeia histórica de Belmonte | Visitar a Serra da Estrela
Feira Medieval na Aldeia Histórica de Belmonte

Para além da animação de rua permanente, fogo de artifício, teatro e recriações históricas, a Feira oferece ainda ceias medievais e um serviço de aluguer de fatos medievais aos visitantes. 

14. Descobrir a ligação à tragédia dos Távora

A tragédia dos Távora teve um papel predominante na perda de importância da aldeia histórica de Marialva. Após o sentenciamento da família Távora por implicação a tentativa de regicídio contra D. José I, a população de Marialva, cujo alcaide era o Marquês de Távora, começou a abandonar a área intramuros da vila.

Aldeia histórica de Marialva | Visitar a Serra da Estrela
Aldeia Histórica de Marialva

15. Conhecer uma das aldeias mais bem preservadas de Portugal

Visitei já todas as aldeias pertencentes às Aldeias Históricas de Portugal e posso dizer que Sortelha ocupa o Top 3 das minhas preferidas. A razão? É uma das aldeias históricas melhores conservadas. Ao visitá-la parece que entramos num mundo de fantasia ou num cenário de um filme, onde nada parece ter mudado ao longo dos anos. 

Aldeia histórica de Sortelha | Visitar a Serra da Estrela
Aldeia Histórica de Sortelha

Estas são apenas algumas das razões pelas quais vale a pena visitar as várias aldeias localizadas na região da Serra da Estrela. Já visitaste alguma? Qual a tua preferida? 

Artigo feito em parceria com:

Para mais dicas úteis, fotos e videos, acompanha as minhas viagens através  do Instagram e Facebook.

Este artigo poderá conter links de afiliados.

PLANEIA A TUA VIAGEM COM ESTES LINKS ÚTEIS

Alojamento:
Para reservas de alojamento uso sempre o Booking ou o AirBnb.

Voos:
Para encontrares os melhores voos para as tuas viagens recomendo o Jet Radar

Seguro de Viagem:
Para te manteres segura em viagem recorre aos seguros da IATI Seguros (desconto de 5%) ou da World Nomads 

Tours e Atividades:
Para reserva de tours e atividades em vários destinos recomendo a Get Your Guide ou a Viator

Alugar Carro:
Para alugar carro uso sempre a Discover Cars

Transportes:
Para compra de bilhetes para transportes na Ásia recomendo o 12go.asia ou o Baolau

Maria João Proença

Nascida e criada em Lisboa, Portugal, mas apaixonada pelo mundo. Adoro partilhar as minhas histórias de viagem, fotografias e videos e aconselhar e inspirar quem partilha a mesma paixão pelas viagens!

2 Comments

  1. Milocas Gama Reply

    Muito bom este artigo. Recorda_nos a história que aprendemos e que estava já um pouco esquecida, assim como tanta beleza que temos tão perto de nós e de que não usufruimos. Valeu a pena ler todo o artigo. Parabéns

Gostaste do artigo? Deixa aqui o teu comentário!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: