Ilha da Madeira – Guia Completo de Viagem

Não sei bem porquê, mas a Ilha da Madeira foi um destino que acabei por deixar sempre para “depois”. Quando finalmente lhe fiz a minha primeira visita, em novembro de 2020, dei por mim a arrepender-me de não o ter feito antes. Encontrei uma ilha coberta de verde, flores e frutas exóticas, uma gastronomia de chorar por mais e magníficas levadas que me levaram a apaixonar-me por longas caminhadas no meio da natureza. 

Descobre neste Guia de Viagem sobre a Ilha da Madeira todas as dicas úteis que precisas para começar a planear a tua viagem. Em caso de qualquer dúvida deixa o teu comentário no final do artigo, terei todo o gosto em ajudar-te!


Localização

A ilha da Madeira, uma das ilhas que compõem o arquipélago da Madeira, a par de Porto Santo, Ilhas Selvagens e Ilhas Desertas, encontra-se localizada em pleno Oceano Atlântico, a 973 km de Portugal continental. 

Habitada por cerca de 300 mil pessoas, ocupa uma área de 741 km2, dividida por 57 km de comprimento e 22 km de largura. Também conhecida por “Jardim do Atlântico”, a Madeira apresenta uma paisagem extremamente montanhosa e a sua posição privilegiada faz com que o seu clima se mantenha ameno ao longo de todo o ano. 


Breve História da Madeira

Diz-se que a descoberta do arquipélago da Madeira foi um incidente feliz. Decorria o ano de 1418 quando os navegadores portugueses Bartolomeu Perestrelo, Tristão Vaz Teixeira e João Gonçalves Zarco viram as suas naus desviadas da sua rota pela costa de África por uma tempestade. A primeira ilha a ser encontrada foi a de Porto Santo, depois de dias à deriva em pleno Oceano Atlântico.

Um ano depois, em 1419, encontrariam a ilha da Madeira, desembarcando na baía de Machico, na costa este. O seu nome teve origem numa das matérias-primas que mais abundava nesta ilha, a Madeira. Não demorou muito até Portugal perceber o potencial deste novo território, e em 1425 iniciava-se o seu povoamento.

Para potencializar o sucesso da agricultura na ilha, os primeiros colonos viram-se obrigados a construir canais de água para transportar a água que abundava na costa norte, para a costa sul, as chamadas Levadas. No século XV, com a cana-de-açúcar como principal produto comercial, a Ilha da Madeira, e em particular o Funchal, tornava-se numa importante escala nas rotas comerciais europeias. Ao longo dos séculos seguintes, a ilha adicionaria também o vinho à lista das suas principais exportações.

Em 1976 a Madeira viria a ganhar a sua autonomia em relação ao continente, transformando-se numa Região Autónoma.

Funchal, na Ilha da Madeira

Como chegar à Ilha da Madeira

Existem voos diretos com partida de Lisboa e Porto para a Ilha da Madeira, com duração aproximada de 2 horas. Em Lisboa poderás optar pela TAP ou pela Easyjet e no Porto, para além destas duas companhias aéreas, poderás ainda optar pela Transavia. Se planeias partir de Faro terás sempre de contar com uma escala em Lisboa.

Madeira International Airport (1)

Quando visitar a Ilha da Madeira

Graças à sua paisagem montanhosa e posição no Oceano Atlântico, a Ilha da Madeira goza de temperaturas amenas durante o ano todo, o que faz com que seja um destino de excelência a qualquer altura. Sim, no Inverno poderás apanhar alguns dias de maior precipitação ou vento, mas são pontuais e a vantagem é que encontras a ilha em pleno fulgor no que diz respeito às suas paisagens naturais. 

Vereda da Ponta de São Lourenço na Ilha da Madeira

No que diz respeito a festas e eventos especiais, a Ilha da Madeira tem uma agenda preenchida durante todo o ano. Vê abaixo alguns dos principais eventos organizados todos os anos na ilha.

Fevereiro | Festa dos Compadres / Carnaval

A Festa dos Compadres dá oficialmente início aos festejos de Carnaval na Ilha da Madeira. É celebrada no município de Santana de 5 a 7 de fevereiro, e marcada pela pelas divertidas figuras gigantes que desfilam nas ruas. A festa tem por base o “julgamento” do compadre e da comadre, sendo os bonecos gigantes usados como forma de sátira e crítica às ações dos habitantes locais. A partir do dia 10 começam os festejos de Carnaval com muita animação de rua e desfiles de máscaras.

Madeira - Santana - Festa dos Compadres 2017
Maio | Festa da Flor

Em maio a ilha da Madeira enche-se de cor ao festejar a Festa da Flor. Um pouco por toda a ilha é possível admirar várias obras de arte feitas com flores diversas e coloridas. O Cortejo Alegórico da Flor, no Funchal, onde participam centenas de pessoas e vários carros alegóricos, é o ponto alto desta festa.

Flower Festival 2016 Festa da Flor
Junho | Marchas Populares

Tal como em Lisboa, Porto e outras zonas de Portugal, na Madeira também se festeja o Dia de Santo António, o Dia de São Pedro e o Dia de São João com a realização de marchas populares entre os dias 12, 13 e 23 de junho. Estas festas são vividas com especial entusiasmo nas freguesias de Santo António, São Pedro e São João, no Funchal.

Marchas populares na Ilha da Madeira
Créditos: YouTube | Fernando J C Pereira
Setembro | Festa do Vinho da Madeira

Em setembro, a Madeira festeja a cultura do vinho, recriando velhos costumes da ilha ligados a esta atividade agrícola. A festa começa no Funchal com a Semana do Folclore, terminando no Estreito de Câmara de Lobos com a Festa das Vindimas. É uma ótima oportunidade para provares os deliciosos vinhos da Madeira.

Madeira Island
Dezembro/Janeiro | Passagem de Ano

A ilha enche-se de pessoas que não resistem à oportunidade de festejar a passagem de ano numa das festas mais bonitas do mundo. O impressionante fogo de artifício que decora os céus mereceu entrada no Livro dos Recordes do Guinness em 2006 como o maior espetáculo do mundo.

Madeira Fireworks 2014 (4)

Vê a lista completa de eventos na Madeira aqui.


Viajar em segurança para a ilha da Madeira

Desde o início da pandemia é obrigatório cumprir uma série de novas regras para deslocações à Madeira de forma a garantir a tua segurança, dos outros passageiros que viajam no avião e dos habitante locais: 

  • Apresentar teste negativo de Covid 

A Região Autónoma da Madeira tem acordos estabelecidos com vários postos de colheita de amostras, onde poderás fazer o teste Covid gratuitamente, mediante apresentação de comprovativo de voo. O teste deverá ser feito dentro das 72 horas que antecedem o voo. Consulta aqui a lista de postos de colheita convencionados.

  • Preencher os impressos oficiais 

Através da App Madeira Safe deverás preencher o Inquérito Epidemiológico nas 48h a 12h antes da tua partida.

Tendo em conta a situação instável que atravessamos atualmente, sugiro também a contratação de um seguro de viagem ideal para pequenas deslocações à Madeira, como o Seguro Escapadinhas da IATI Seguros

Por um preço bastante acessível, este seguro cobre eventuais necessidades de cancelamento da viagem e quaisquer situações relacionadas com contágios de COVID.

⇨ Aproveita para o contratares com 5% de desconto através deste link: Seguro de Viagem Escapadinhas.

Ilha da Madeira

Transportes dentro da Madeira

A forma mais eficaz e rápida de te deslocares na Madeira é de carro. Apesar de existirem transportes públicos na ilha, a deslocação em carro “próprio” dá-te bastante mais liberdade.

Existem várias empresas de aluguer de carros na ilha, como por exemplo, a Driving Madeira, que foi a que eu utilizei quando lá estive. Até à data não têm um balcão no aeroporto do Funchal mas entregam-te o carro lá, se necessário. A entrega do veículo também poderá ser feita no aeroporto em hora e data a combinar previamente. O serviço é bastante atencioso e profissional e o carro que usei (um Renault Captur) estava em ótimas condições.

Para encontrares o veículo que melhor se adapta às tuas necessidades, consulta o site Rentalcars.com que te apresenta uma lista com as várias opções disponíveis na ilha, a preços bastante reduzidos.
Aproveita para contratares também o seguro de cobertura superior através deste site, porque te fica bastante em conta, comparando com os preços obtidos diretamente através de uma grande parte das empresas de aluguer de veículos.

Carro alugado pela Driving Madeira, na Ilha da Madeira

Onde ficar na Madeira

Na minha última estadia na Madeira fiquei alojada no Hotel Turim Santa Maria, localizado no centro do Funchal. Os quartos são extremamente confortáveis, o pequeno almoço muito variado e de ótima qualidade, e a localização é cinco estrelas. Tem ainda uma piscina no rooftop que, infelizmente, não tive oportunidade de experimentar. 

O único senão é o estacionamento: o parque privativo tem um valor de €15 (independentemente do tempo de estacionamento) e os lugares na rua perto do hotel são pagos também. Para poupares algum dinheiro podes sempre utilizar o estacionamento gratuito a cerca de 5 a 10 minutos a pé do hotel.

Zonas de Alojamento:
  • O Funchal é uma ótima escolha caso tenhas um plano de viagem bastante diversificado e prefiras ficar alojada no mesmo local durante toda a viagem, sendo possível aceder a todas as zonas da ilha rapidamente. 
  • Se o teu plano inclui essencialmente muitas atividades no exterior como as caminhadas nas levadas, canyoning, BTT e afins, a zona norte e oeste da Madeira será uma boa escolha.
  • Para quem visita a Madeira com o objetivo principal de fazer atividades ligadas ao mar, como mergulho, snorkelling ou passeios de barco, a zona sudeste é a ideal.

Terás um extenso leque de alojamentos à tua disposição na Madeira. Desde hotéis mais high-end, a hostels ou unidades de turismo rural: tudo dependerá das tuas preferências pessoais e orçamento.

Caso prefiras ficar num apartamento podes sempre fazer uma pesquisa através do AirBnb. Se ainda não o fizeste, aproveita para te registares na plataforma através deste link para receberes um crédito até €40 para descontares na tua primeira estadia. 


O que comer e onde comer na Ilha da Madeira

Bem, por onde começar? Confesso que sou fã incondicional da gastronomia da Madeira. Desde as maravilhosas lapas grelhadas com molho de manteiga e alho, o imperdível bolo do caco com manteiga de alho e os filetes de peixe-espada com banana e molho de maracujá, até à tradicional espetada em pau de louro (ou de metal), os bifes de atum com milho frito e a carne de vinho e alhos: não há como sair de barriga vazia de uma viagem pela Madeira. 

Abaixo encontras alguns dos restaurantes que tive oportunidade de visitar na Madeira e que, claro, recomendo.

Restaurante Santo António | Estreito de Câmara de Lobos

  • Especialidade: espetada em pau de louro/metal

Restaurante Só Espeto | Santa Cruz

  • Especialidade: espetada regional com osso

Restaurante By The Sea | Funchal

  • Especialidade: marisco e peixe

Restaurante Avista | Funchal

  • O mais gourmet de todos os restaurantes aqui recomendados. Foi a escolha para o meu jantar de aniversário. 

Taberna de São Vicente | São Vicente

  • Especialidade: filete de peixe-espada com banana e molho de maracujá

Casa do Bolo do Caco | Funchal

  • Especialidade: prego em bolo do caco

Antes ou depois da refeição não percas a oportunidade de experimentar uma poncha (ou duas, vá), um dos elementos mais típicos da ilha. O único senão desta bebida é que é deliciosa demais para a quantidade de álcool que tem. Feita de aguardente de cana da Madeira, mel, açúcar, sumo de laranja e sumo de limão, desce como sumo mas sobe como aguardente, por isso bebe devagar!

Poncha Regional na Ilha da Madeira

Estes são os dois locais onde bebi poncha na Madeira e que recomendo:

Taberna da Poncha | Serra D’Água

  • Sem dúvida um local de passagem obrigatória numa visita à Madeira. De paredes e teto decorados com centenas de cartões de visita deixados por inúmeros visitantes ao longo dos anos, a qualidade da poncha é atestada pela quantidade de cascas de amendoim deixadas no chão. 

Bar Os Castrinhos | Funchal

  • Normalmente quando vamos beber uma cerveja a um bar ou café, não é incomum que esta seja acompanhada por um prato de tremoços ou amendoins. No snack-bar Os Castrinhos, os acompanhamentos vão um pouco mais além: para além dos tremoços, são ainda colocados na mesa mais 3 a 4 pequenos pratos com várias iguarias deliciosas. As ponchas são deliciosas e a vista sobre o pôr-do-sol na esplanada é inigualável.

O que ver e fazer na ilha da Madeira

A ilha pode não ser enorme mas a quantidade de locais a visitar e atividades a fazer não lhe são de todo proporcionais. Desde as famosas levadas a miradouros com vistas inigualáveis sobre o recorte da ilha, as exóticas flores e frutas locais e alguns dos melhores locais para mergulho ou banhos refrescantes, a Madeira tem muito para oferecer a quem a visita.

Para info detalhada sobre o que ver e fazer na Madeira, lê o artigo:
O que ver e fazer na ilha da Madeira


Espero que estas informações te tenham sido úteis no planeamento da tua viagem à Madeira. Se tiveres qualquer dúvida deixa o teu comentário abaixo, terei todo o gosto em ajudar-te!

Viajei para a Madeira a convite da Região de Turismo da Madeira. As opiniões expressas neste artigo são, no entanto, inteiramente minhas, sem influência de terceiros.

Para mais dicas úteis, fotos e videos, acompanha as minhas viagens através  do Instagram e Facebook.

Este artigo poderá conter links de afiliados.

PLANEIA A TUA VIAGEM COM ESTES LINKS ÚTEIS

Alojamento:
Para reservas de alojamento uso sempre o Booking ou o AirBnb.

Voos:
Para encontrares os melhores voos para as tuas viagens recomendo o Jet Radar

Seguro de Viagem:
Para te manteres segura em viagem recorre aos seguros da IATI Seguros (desconto de 5%) ou da World Nomads 

Tours e Atividades:
Para reserva de tours e atividades em vários destinos recomendo a Get Your Guide ou a Viator

Alugar Carro:
Para alugar carro uso sempre a Rentalcars.com

Transportes:
Para compra de bilhetes para transportes na Ásia recomendo o 12go.asia ou o Baolau

Maria João Proença

Nascida e criada em Lisboa, Portugal, mas apaixonada pelo mundo. Adoro partilhar as minhas histórias de viagem, fotografias e videos e aconselhar e inspirar quem partilha a mesma paixão pelas viagens!

19 Comentários

  1. Amo Portugal e quero muito voltar pra conhecer a ilha da Madeira! Vou seguir as dicas do que ver e fazer, além de onde comer!! Adorei!

  2. Amei esse guia! Realmente completo. A Ilha da Madeira está nos meus planos. Terra dos meus antepassados.

    • Sandra Ferreira Ferreira Responder

      Boa tarde.
      Gostava de tirar uma dúvida acerca do aluguer de viatura.
      Também vi o renault captur e a um preço incrível… 26€ 5 dias!! O que percebi é que a franquia é de 2100 €. Se optarmos pelo seguro total a franquia é anulada ou retêm à mesma os 2100 € no cartão de crédito?
      Já agora, o carro não é muito grande para as estradinhas apertadas da ilha?
      Muito obrigada.

      • Olá Sandra, gostava imenso de poder ajudar, mas as pessoas mais indicadas para o fazer serão mesmo os responsáveis pela empresa de aluguer do carro. Boa viagem!

  3. Eu estive na Madeira uma vez, mas quero muito voltar, até porque o miúdo era muito pequeno e não fiz nenhuma levada (e para dar um saltinho a Porto Santo). O destile das flores deve ser particularmente bonito

  4. Uma viagem a Ilha da Madeira era meu grande plano para esse verão, mas não vai acontecer. Espero poder ir em breve e seguir suas dicas tão boas! Obrigada por compartilhar

  5. Luciana Rodrigues Responder

    Já sabia que a Ilha da Madeira é linda, mas me surpreendi mesmo com as guloseimas. Adoraria umas lapas grelhadas e tomar umas ponchas. ótimas dicas, parabéns!

  6. Moisés Batista Responder

    Adorei este guia de viagem a Ilha da Madedira. Interessante a forma que ela foi descoberta. Agora uma coisa me chamou atenção, estes frutos do mar. Se fosse eu ai já sei o que comeria todos os dias rrsrsr

  7. A Ilha da Madeira deve ser maravilhosa, um baita destino né… gostei das dicas e do seu roteiro por lá.

  8. CINTIA GRININGER Responder

    Que guia completo sobre a Ilha da Madeira! Paisagens lindas, clima ótimo e a gastronomia parece maravilhosa. Que saudades de viajar e conhecer lugares assim…

Gostaste do artigo? Deixa aqui o teu comentário!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: