O Laos é considerado um dos países mais “puros” do Sudeste Asiático onde podemos sentir e experienciar a cultura da Indochina de uma forma mais autêntica, sem as influências do turismo massivo que existe em países como a Tailândia ou o Cambodja por exemplo. É um país ainda pouco explorado, a nível turístico, (talvez influenciado pela ausência de praias) em relação aos seus vizinhos mas que tem tanto para oferecer, quer a nível de beleza natural, quer a nível da autenticidade e generosidade do seu povo.

Localização

O Laos está localizado na região do Sudeste Asiático, fazendo fronteira com Myanmar a norte, Tailândia a Oeste, Vietname a Este e Camboja a Sul. A capital é Vientiane.


Visto de Entrada no Laos

  • Isenção de Visto PT/BR: Não existe isenção de visto quer para cidadãos portugueses, quer para cidadãos brasileiros.
  • Visto à chegada: Sim. O Visto para o Laos poderá ser obtido à chegada ao país nos principais aeroportos e pontos de entrada internacionais. Caso a entrada seja feita por outro ponto não indicado na lista anterior, o visto poderá ser obtido através das Embaixadas e Consulados do Laos noutros países como, por exemplo, em Bangkok. 
  • e-Visa: Não existe e-Visa para o Laos.
  • Validade: O visto é válido para estadias até 30 dias.
  • Taxas: USD 30
  • Extensão de Visto: Poderão ser solicitadas até duas extensões de Visto, com uma validade máxima de 30 dias, no Gabinete de Imigração em Vientiane.
  • Documentos necessários: Passaporte com validade superior a 6 meses + 2 fotografias tipo passe
Cascatas Kuang Si, Luang Prabang, Laos
Cascata Kuang Si, Luang Prabang, Laos

Moeda

A moeda oficial é o Kip (LAK). Em setembro de 2020 um euro correspondia a cerca de 10,500 kip.  Verifica aqui a mais recente taxa de câmbio.


Clima

O Laos apresenta 2 principais estações: a estação seca (de Outubro a finais de Abril) e a estação húmida (de Maio a finais de Setembro).  Os primeiros meses da estação húmida (de Maio a Julho) mantêm-se geralmente muito quentes existindo alguma precipitação ocasional e de curta duração, sendo esta mais frequente e cada vez com maior intensidade de Agosto a Setembro, principalmente no sul do País. Na zona Norte e em Luang Prabang, as chuvas são mais leves e acontecem com mais frequência durante a noite ou de manhã, registando-se tardes de céu limpo.

As temperaturas são bastante altas durante o ano sendo as temperaturas mais altas geralmente registadas em Abril (máxima de 35º e mínima de 21º) e as temperaturas mais baixas em Dezembro (máxima de 28º e mínima de 15º).

Luang Prabang, Laos

Como ir

Para chegares a Vientiane, capital do Laos, a partir de Portugal, é provável que a viagem demore mais do que o desejado, já que terás de contar com, pelo menos, 2 escalas: uma numa capital europeia e outra numa cidade asiática como, por exemplo, Bangkok

É possível que te fique mais em conta procurares um voo para Bangkok primeiro (que implicará também necessariamente pelo menos uma escala) e reserves outro voo da capital tailandesa para o Laos. 


O que visitar

Luang Prabang

Designada Património Cultural da Humanidade pela UNESCO, Luang Prabang é um destino que não pode faltar numa viagem pelo Laos.Situa-se na confluência dos rios Nam Khan e Mekong e está rodeada por montanhas. É uma cidade com um ambiente descontraído, inúmeros templos e vestígios da ocupação francesa através de vários edifícios espalhados pela cidade. A poucos kms de Luang Prabang encontram-se as Kuang Si Waterfalls, uma das maiores atracções da zona, cuja visita é obrigatória.

Luang Prabang - Laos

Lê também o artigo:
Luang Prabang, Laos | Guia e Dicas de viagem

Vientiane

O ambiente e forma de estar descontraídos do Laos estendem-se até à sua capital: Vientiane. É aqui que se encontra o That Luang, um templo considerado um ícone do Budismo no Laos, museus, um night market e inúmeros vestígios da ocupação francesa quer através do imponente Victory Monument (cuja associação ao Arco do Triunfo em Paris é inevitável), da arquitectura dos seus edifícios, ou através das inúmeras pastelarias/padarias e cafés que se encontram espalhadas pelas suas ruas.

Vientiane - Laos

Vang Vieng

Vang Vieng é considerada a meca dos backpackers no Laos sendo as suas épicas descidas de rio numa bóia de borracha (tubing) uma das suas principais atracções. Vang Vieng é o local perfeito para quem procura noites (e dias, vá) bem passadas no meio de um cenário natural fantástico.

Vang Vieng - Laos

Lê também o artigo:
Vang Vieng, Laos | Guia e Dicas de viagem

Kong Lor Cave

A Gruta de Kong Lor é um local fantástico perdido no meio de montanhas e pequenas aldeias no meio do Laos. A gruta ocupa uma extensão de 7 kms que é possível percorrer de barco de um lado ao outro. O cenário que a rodeia é estonteante: búfalos refrescam-se nas águas onde passas de barco, centenas de borboletas, e por todo o lado vês verde do mais verde que há. A viagem de autocarro até à pequena aldeia de Kong Lor é longa, mas a experiência vale muito a pena.

Kong Lor - Laos

Lê também o artigo:
Kong Lor Cave, Laos | Guia e Dicas de Viagem

Pakse

Pakse é a capital da província de Champasak e a segunda cidade com mais população do Laos. Está localizada na confluência dos rios Mekong e Xedong. A cidade não é propriamente procurada em si enquanto destino turístico, mas é considerada uma boa base para visitas a algumas das maiores atracções da região como as cascatas de Bolaven Plateau e Tad Fane, a poucos kms de distância, as ruínas Khmer de Wat Phu e as ilhas Si Phan Don (4000 islands).

Pakse - Bolaven Plateau

Si Phan Don (4000 Islands)

Na época seca, o rio Mekong baixa e dá origem a centenas de ilhas em Si Phan Don. Mas as ilhas de Don Det e Don Khon são as mais procuradas por turistas onde podes dar uma volta pelas ilhas de bicicleta, ver golfinhos, andar de kayak, fazer tubing ou simplesmente passar os dias deitada numa cama de rede inebriada com o ambiente ainda mais descontraído que se vive aqui.

Si phan don - Laos

Para mais dicas úteis, fotos e videos, acompanha as minhas viagens através  do Instagram e Facebook.

Este artigo poderá conter links de afiliados.

PLANEIA A TUA VIAGEM COM ESTES LINKS ÚTEIS

Alojamento:
Para reservas de alojamento uso sempre o Booking ou o AirBnb.

Voos:
Para encontrares os melhores voos para as tuas viagens recomendo o Jet Radar

Seguro de Viagem:
Para te manteres segura em viagem recorre aos seguros da IATI Seguros (desconto de 5%) ou da World Nomads 

Tours e Atividades:
Para reserva de tours e atividades em vários destinos recomendo a Get Your Guide ou a Viator

Alugar Carro:
Para alugar carro uso sempre a Rentalcars.com

Transportes:
Para compra de bilhetes para transportes na Ásia recomendo o 12go.asia ou o Baolau

Nascida e criada em Lisboa, Portugal, mas apaixonada pelo mundo. Adoro partilhar as minhas histórias de viagem, fotografias e videos e aconselhar e inspirar quem partilha a mesma paixão pelas viagens!

8 Comments

  1. Ricardo Lemos Reply

    Olá M João obrigado pela publicação,sou seguidor habitual
    Vou em março para o Laos e vou seguir aproximadamente as tuas indicações
    Vou estar uma semana no Laos e uma no Sul do Camboja ( aproveitar uma praia) vou de BKK para o Laos achas que devo entrar no Camboja via terrestre ou aviação ?
    Qualquer dica é bem recebida
    Obrigado
    Boas viagem
    Ricardo Lemos

    • Olá Ricardo, tendo em conta que nao tens muito tempo de viagem, sugeria que fosses de avião. É mais rápido e os preços dos voos nao deverão ser nada por aí além. Boa viagem!

  2. Cristiana Maria Encarnação Reply

    Olá Maria João, li atentamente todos os seus relatos. Escrevo pelo seguinte, a minha filha de 21 anos vai viajar para Laos sozinha já na próxima semana. Confesso que com o aproximar da data de embarque começo a ficar preocupada com a viagem do aeroporto até Vienciana bem como a estadia por lá, assim como a viagem no dia a seguir para Vang Vieng para ingressar num campo de voluntariado. Ela apesar dos seus 21 anos parece ter 15 e é loirinha de olhos azuis toda muito magrinha, é como disse parece ter 15. Dada a sua experiência, acha que haverá algum risco? aconselha algo em particular?
    Desde já agradeço a atenção dispensada na resposta a esta inquietação.

    • Olá Cristiana! De todos os destinos por onde já andei, posso dizer-lhes que onde me senti mais segura foi no Sudeste Asiático. É claro que tudo depende do nível de maturidade da sua filha e dos cuidados normais que ela tem de ter para não se colocar em situações de risco. Mas regra geral, o Laos, tal como tantos outros naquela região do mundo, é um país muito tranquilo. Boa viagem para a sua filha! 🙂

  3. Olá! Encantador o relato. Quantos dias vc consideraria para conhecer o Laos?

Gostaste do artigo? Deixa aqui o teu comentário!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: