27 Melhores Locais a Visitar em Lisboa

Lisboa tornou-se, nos últimos anos, um dos destinos turísticos mais populares na Europa. As ruas do seu centro histórico passaram de quase vazias a repletas de turistas de todo o mundo, ansiosos por descobrir o que faz de Lisboa uma cidade tão especial a que tantos regressam ano após ano. 

Nós, os locais, sabemos bem o que a torna tão especial, e é bom ver tantas outras pessoas interessadas em descobrir o seu segredo. Neste artigo dou a conhecer 27 locais a visitar em Lisboa para que possas aproveitar ao máximo a tua próxima visita à “Cidade das Sete Colinas”.


1. Castelo de São Jorge

Localizado no ponto mais alto da cidade, cumprindo o seu papel de protetor da cidade, encontra-se o Castelo de São Jorge. Aberto 7 dias por semana, no Castelo poderás descobrir mais sobre a História da Cidade, beber algo na sua esplanada, admirar uma das melhores vistas sobre Lisboa ou participar nas várias atividades lúdicas que fazem parte da sua programação cultural.

Castelo de São Jorge | Locais a Visitar em Lisboa

2. Miradouro do Adamastor

O que melhor do que parar numa esplanada para uma bebida fresca num dia de calor? Especialmente se essa esplanada tiver uma vista magnífica sobre o Rio Tejo! É exatamente isso que encontras no Miradouro do Adamastor, perto do Bairro Alto. Nas tardes de verão é normal juntarem-se aqui grupos de jovens que aproveitam para socializar à medida que o sol se vai pondo.

Miradouro do Adamastor - ALA_9109

3. Bairro de Alfama

Para “respirar” Lisboa é obrigatório visitar um dos seus bairros mais tradicionais: Alfama. Com as suas ruas empedradas e as suas casas tradicionais onde a roupa seca à janela e os vizinhos se conhecem desde sempre, Alfama mostra aos seus visitantes a verdadeira essência de Lisboa. O fado cantado em tascas, o cheiro das sardinhas acabadas de grelhar, as esplanadas encaixadas nas ruas estreitas e o à vontade de quem trata a cidade por tu desde que nasceu.

Vista sobre Alfama | Locais a visitar em Lisboa
Créditos: Veronika Jorjobert / Unsplash

4. Feira da Ladra (Campo de Santa Clara)

A Feira da Ladra, localizada no Campo de Santa Clara, é um dos espaços mais míticos de Lisboa. É ali que, todas as terças-feiras e sábados de manhã, centenas de pessoas se juntam para vender e comprar tudo o que se possa imaginar, desde artesanato a velharias, artigos usados e afins. Quando era adolescente cheguei a passar algumas manhãs de sábado lá a tentar fazer uns troquinhos com coisas que já não usava!

5. Jardins de Belém

Um passeio pelos Jardins de Belém é algo que não pode faltar numa lista de locais a visitar em Lisboa. O longo calçadão que se estende junto ao Rio Tejo é perfeito para longas caminhadas, com direito a pausas para um gelado ou uma bebida fresca com uma vista inigualável. Leva uma pequena manta ou toalha e aproveita para relaxar um pouco no relvado enquanto vês a vida passar.

Créditos: Turismo de Lisboa

6. Mosteiro dos Jerónimos

Ainda em Belém, aproveita para conhecer o lendário Mosteiro dos Jerónimos. Construído no século XVI, esta obra-prima da arquitetura portuguesa, Património Mundial da UNESCO, destaca-se na paisagem. É aqui que se encontram sepultados vários reis e rainhas de Portugal e os túmulos honorários do poeta Luís de Camões e do navegador Vasco da Gama.

Mosteiro dos Jerónimos | Locais a visitar em Lisboa
Créditos: Turismo de Lisboa

7. Torre de Belém

Hoje em dia é habitual verem-se filas de tamanho considerável de pessoas a aguardar a sua vez de visitar a Torre de Belém, um dos edifícios mais icónicos de Lisboa. Assente nas margens do Rio Tejo, a Torre de Belém foi, tal como o Mosteiro dos Jerónimos, construída no século XVI e, entretanto, classificada como Património Mundial pela UNESCO. 

Em tempos usada como fortaleza, a Torre é hoje conhecida pela sua magnífica arquitetura, sendo de inclusão obrigatória numa lista dos locais a visitar em Lisboa.

Torre de Belém | Locais a visitar em Lisboa
Créditos: Bernardo Lorena Ponte / Unsplash

8. Padrão dos Descobrimentos

Construído originalmente em 1940 junto ao Rio Tejo, em Belém, e reconstruído em 1960, o Padrão dos Descobrimentos é um dos maiores símbolos da época áurea dos Descobrimentos. Na fachada virada para o Rio Tejo, ergue-se o navegador Infante D. Henrique e outras figuras proeminentes dessa época. 

Na calçada, em frente ao monumento, foi desenhado uma Rosa-dos-ventos e um mapa-mundo onde se assinalaram as principais rotas da expansão portuguesa. No topo do Padrão dos Descobrimentos espera-te uma vista fantástica sobre a cidade e o Rio Tejo.

Padrão dos Descobrimentos | Locais a visitar em Lisboa
Créditos: Portuguese Gravity / Unsplash

9. Jardim da Estrela

O Jardim da Estrela, localizado no bairro da Estrela, construído ao estilo dos jardins ingleses, é um autêntico oásis no centro da cidade. Perfeito para um café a meio da tarde na esplanada do seu café ou apenas para alguns momentos de pura tranquilidade nos seus relvados. Nos meses de verão, decorrem aqui várias atividades ao ar livre, incluindo música ao vivo.

Jardim da Estrela
Booking.com

10. Parque Florestal de Monsanto

O Parque Florestal de Monsanto é conhecido como o “pulmão” da cidade de Lisboa. Localizado na Serra de Monsanto, o Parque ocupa uma área de 1000 hectares, rodeando a cidade de verde. Embora a afluência seja maior ao fim de semana, diariamente dezenas de lisboetas usam os corredores verdes do Parque para as suas corridas e passeios de bicicleta matinais ou de final do dia. 

É um excelente local para fazer um piquenique em família ou com amigos, em especial na Alameda Keil do Amaral, onde também se realizam alguns eventos ao ar livre, como concertos, no verão.

Parque Florestal do Monsanto | Locais a visitar em Lisboa
Créditos:Pedro Santos / Unsplash

11. Cais das Colunas

Localizado na grandiosa Praça do Comércio, no centro histórico de Lisboa, junto ao Rio Tejo, o Cais das Colunas é um dos locais mais populares da cidade para assistir ao pôr do sol. Os seus degraus foram, desde o terramoto de 1755, usados como a porta nobre de Lisboa, por onde entraram várias grandes figuras mundiais.

Il Cais das Colunas (Molo delle Colonne) Lisbona, Portogallo

12. Miradouro de São Pedro de Alcântara

Totalmente renovado há poucos anos, o Miradouro de São Pedro de Alcântara, localizado junto ao Bairro Alto, oferece uma das melhores vistas sobre Lisboa. Daqui avista-se a todo o centro histórico de Lisboa assim como a colina onde se encontra o Castelo de São Jorge. Aproveita para beber algo na esplanada do quiosque típico que se encontra na parte de baixo do jardim do Miradouro enquanto aprecias a vista.

Lisboa - Barrio Alto Miradouro de Sao Pedro de Alcantara

13. Oceanário

O Oceanário, localizado no Parque das Nações, é, sem dúvida, um local a adicionar obrigatoriamente numa lista dos locais a visitar em Lisboa. Eleito em 2018 o “Melhor Aquário do Mundo” pelos utilizadores da TripAdvisor, os seus 5 milhões de litros de água salgada são habitados por uma enorme variedade de peixes e mamíferos. A visita é mágica!

Oceanário de Lisboa | Locais a visitar em Lisboa
Créditos: Vidar Nordli-Mathisen / Unsplash

14. Miradouro da Senhora do Monte / Miradouro da Graça

Na zona da Graça (uma das minhas zonas preferidas da cidade) encontras 2 miradouros que te oferecem uma vista incrível sobre Lisboa. No Miradouro da Graça podes admirar a vista enquanto bebes algo na esplanada do quiosque que ali se encontra, enquanto no Miradouro da Senhora do Monte poderás fazê-lo num ambiente tranquilo, no local onde o primeiro rei de Portugal, D. Afonso Henriques montou o seu acampamento para a conquista de Lisboa.

Miradouro da Senhora do Monte

15. Maat

À beira Tejo, em Belém, encontras um dos edifícios mais interessantes da cidade de Lisboa: o Maat — Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia. Para além de uma arquitetura incrível, que proporciona momentos de deleite para qualquer fotógrafo (amador ou profissional), o Maat oferece-te também algumas das exposições mais interessantes de Lisboa.

Créditos: Dessy Dimcheva / Unsplash


16. Fundação Calouste Gulbenkian

Em plenas Avenidas Novas, junto à Praça de Espanha, uma das zonas centrais de Lisboa, encontras a Fundação Calouste Gulbenkian. Para além do ambiente tranquilo dos seus jardins, onde encontras um lago habitado por peixes, gansos e patos existe ainda um anfiteatro ao ar livre onde se realizam vários espetáculos durante o verão.

A Fundação oferece-te ainda várias exposições temporárias e permanentes, assim como incríveis concertos de música clássica. Um autêntico oásis no centro da cidade e um local de inclusão obrigatória nesta lista de locais a visitar em Lisboa.

Fundación Calouste Gulbenkian

17. Museu Nacional de Arte Antiga

Descobrir a arte portuguesa ao longo dos séculos, significa também ficar a conhecer mais sobre a História do país. No Museu Nacional de Arte Antiga, localizado na Rua das Janelas Verdes, terás acesso a um largo conjunto de exposições assim como ao seu lindíssimo jardim, com vista sobre a cidade e o Rio Tejo, onde poderás tomar uma refeição ou beber algo a meio da tarde na esplanada do restaurante/café.

Museu Nacional de arte antiga


18. Parque das Nações

Palco da EXPO 98, a zona do Parque das Nações, outrora uma área quase ao abandono, sofreu uma total remodelação após a Exposição Mundial, tendo-se transformado numa das áreas mais apelativas da cidade. 

É aqui que encontras não só o Oceanário de Lisboa, como o fascinante Pavilhão do Conhecimento, a Gare do Oriente desenhada pelo famoso arquiteto Santiago Calatrava e o Pavilhão de Portugal concebido pelo arquiteto Álvaro Siza Vieira, entre outros. Os seus jardins e passadiço junto ao Rio Tejo são perfeitos para uma caminhada ou passeio de bicicleta, e para uma experiência especial, nada como dar um passeio nos teleféricos que atravessam a zona.

Créditos: Turismo de Lisboa

19. Marvila

Tal como o Parque das Nações, o bairro de Marvila é outra zona de Lisboa que se tem vindo a reinventar ao longo dos últimos anos. De área maioritariamente industrial, onde se encontravam grandes armazéns e escritórios, Marvila tem-se vindo a transformar num dos bairros mais criativos de Lisboa. Espaços de coworking, restaurantes, bares de cerveja artesanal, salas de espetáculo e galerias de arte fazem de Marvila um dos locais mais interessantes da cidade.

ALA_7044

20. Chiado

Visitar Lisboa e não percorrer as ruas do Chiado é como ir a Itália sem passar por Roma. Este é sem dúvida um dos locais que nunca passam de moda. Habitat de vários ilustres nomes da cultura portuguesa durante séculos, o Chiado é um dos bairros mais nobres da cidade, onde encontras alguns dos melhores restaurantes da cidade, inúmeras lojas e alguns dos locais mais míticos como o café A Brasileira.

Créditos: Joel Filipe on Unsplash

21. Escadinhas de Santo Estevão

Lisboa está cheia de recantos totalmente encantadores, é só preciso saber procurá-los. As escadinhas de Santo Estevão é um exemplo perfeito. Localizadas em Alfama, percorrê-las é descobrir um dos lados mais autênticos de Lisboa, com os seus prédios revestidos a azulejos, roupa pendurada nas janelas e vasos de flores nas varandas. No alto das escadinhas encontras o Miradouro de Santo Estevão com uma vista fantástica sobre a cidade.

Escadinhas de Santo Estevao - Lisboa

22. Rossio

O Rossio é conhecido como a “Baixa” de Lisboa. Preenchido por edifícios seculares, este é o verdadeiro centro histórico da cidade. Encontras aqui inúmeros restaurantes, cafés e lojas de rua e edifícios históricos como a Estação de Comboios do Rossio, o Teatro Nacional D. Maria II e o Elevador de Santa Justa que te leva diretamente até à zona do Chiado. Aproveita para te deliciares ainda com uma ginjinha, o famoso licor de ginja tão famoso em Lisboa.

Créditos: Mark Lawson / Unsplash

23. Sé de Lisboa

Ao subires do Rossio para Alfama a pé ou no famoso elétrico 28, encontras um dos mais icónicos monumentos e a maior Catedral do país: a Sé de Lisboa. A sua construção remonta à fundação de Portugal no ano de 1147. Foi edificada sobre uma mesquita após a conquista da cidade aos árabes, que por sua vez fora construída sobre um antigo templo cristão visigótico.

Créditos: Guillermo Vidal / Unsplash

24. Bairro Alto

Quando se fala em locais de diversão noturna em Lisboa é impossível não referir o Bairro Alto. As suas estreitas ruas de calçada, rodeadas por edifícios seculares (alguns entretanto remodelados), são totalmente preenchidas ao fim de semana por centenas de pessoas que fazem um circuito pelos inúmeros bares (e restaurantes) que aqui se encontram. A festa é maioritariamente feita na rua, algo típico da cultura lisboeta.

Créditos: Zach Rowlandson / Unsplash

25. Avenida da Liberdade

A descida da Praça Marquês de Pombal para o Rossio é feita pela Avenida da Liberdade, uma das avenidas mais nobres da cidade. Se o que procuras são restaurantes, hotéis e lojas de luxo, é aqui que as encontras. Os largos passeios da avenida convidam a passeios demorados a pé, com paragens obrigatórias nos vários quiosques que ali se encontram.

ALA_9047

26. Arco da Rua Augusta

O Arco da Rua Augusta é um dos elementos arquitetónicos mais distintivos da Baixa lisboeta. Localizado no final da Rua Augusta, o Arco dá acesso à grandiosa Praça do Comércio. Mas há mais para ver para além da sua fachada. É possível subir até ao topo do Arco onde poderás admirar uma vista extraordinária sobre o rio Tejo e sobre o centro histórico da cidade.

Créditos: Claudio Schwarz | @purzlbaum / Unsplash

27. Largo das Portas do Sol

O último destino, mas de igual inclusão obrigatória numa lista dos locais a visitar em Lisboa, é o Largo das Portas do Sol. A sua área ampla convida a ficar e a admirar a vista sobre o casario típico da cidade, com o Rio Tejo como pano de fundo. Aproveita para tomar um café na esplanada do quiosque que ali se encontra enquanto assistes ao vai e vem de pessoas e veículos.

Créditos: Nikita Patel / Unsplash

O que achaste desta lista de locais a visitar em Lisboa? Algum que te tenha deixado com particular curiosidade? Deixa o teu comentário abaixo!

Para mais dicas úteis, fotos e videos, acompanha as minhas viagens através  do Instagram e Facebook.

Este artigo poderá conter links de afiliados.

PLANEIA A TUA VIAGEM COM ESTES LINKS ÚTEIS

Alojamento:
Para reservas de alojamento uso sempre o Booking ou o AirBnb.

Voos:
Para encontrares os melhores voos para as tuas viagens recomendo o Jet Radar

Seguro de Viagem:
Para te manteres segura em viagem recorre aos seguros da IATI Seguros (desconto de 5%) ou da World Nomads 

Tours e Atividades:
Para reserva de tours e atividades em vários destinos recomendo a Get Your Guide ou a Viator

Alugar Carro:
Para alugar carro uso sempre a Rentalcars.com

Transportes:
Para compra de bilhetes para transportes na Ásia recomendo o 12go.asia ou o Baolau

Nascida e criada em Lisboa, Portugal, mas apaixonada pelo mundo. Adoro partilhar as minhas histórias de viagem, fotografias e videos e aconselhar e inspirar quem partilha a mesma paixão pelas viagens!

10 Comments

  1. Lisboa é linda demais! Conheci um pouquinho da cidade em 24 horas, mas confesso que foi muito pouco! É um dos primeiros lugares que quero voltar quando o turismo voltar a funcionar. Esse post definitivamente deixou um gostinho de quero mais!

  2. Lulu Freitas Gorges Reply

    Amei a sua lista de 27 locais para visitar em Lisboa. Ainda não conheço a cidade, mas não me canso de ler e sonhar com ela. Além da arquitetura tradicional, que podemos apreciar dos miradouros, tenho muita vontade de visitar o Maat. Acho sensacional as fotos do projeto.

  3. Tenho muita saudade de Lisboa e estou aqui suspirando vendo essas fotos. O Maat é uma construção que me chama muita atenção, pois contrasta com a arquitetura do restante da cidade, mas não “atrapalha” a vista.

  4. Roberto Caravieri Junior Reply

    Eu já morei em Lisboa e concordo com você na maioria das 27 coisas a visitar na cidade. É uma cidade linda que estava movimentando muito o turismo ultimamente. Quero voltar lá um dia como turista pra aproveitar dessa forma.

  5. Moisés Batista Reply

    Adorei sua lista sobre os 27 lugares para visitar em Lisboa mas o que eu mais gostei foi do cais. Sempre viajei naquele lugar maravilhoso. Quantas vezes fui até lá e fiquei olhando o mar.

Gostaste do artigo? Deixa aqui o teu comentário!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: