Myanmar | Guia e Dicas de Viagem

Myanmar

Depois de anos fechado ao turismo, Myanmar (a antiga Birmânia) é hoje um país de portas (semi) abertas. Dotado de um povo afável, carinhoso e curioso por este novos visitantes que de repente começam a “invadir” o seu país e a descobrir a sua cultura fascinante, assim como de paisagens fantásticas e uma história e cultura com milhares de anos. É sem dúvida um país a visitar o mais rapidamente possível enquanto não se torna um destino turístico de massas como a sua vizinha Tailândia por exemplo e enquanto dura este clima político ameno.


Localização

Está localizado no Sudeste Asiático e faz fronteira com a China, Laos, Índia, Bangladesh e Tailândia.

Myanmar


Capital

A capital de Myanmar é, desde 2006, Naypyidaw.


Visto

  • e-Visa: Em alternativa a teres de te deslocar a um Consulado ou Embaixada de Myanmar, podes recorrer ao site evisa.moip.gov.mm para obteres o teu visto online. Este processo aplica-se a entradas através dos aeroportos de Yangon, Mandalay e Nay Pyi Taw e através das fronteiras terrestres entre a Tailândia e Myanmar de Mae Sai/Tachileik, Mae Sot/Myawaddy e Ranong/Kawthaung. (a entrada em Myanmar através das fronteiras terrestres acima referidas é, desde 01 de Setembro de 2016, permitida a turistas com e-Visas, já não sendo obrigatória a obtenção de vistos através de Embaixadas ou Consulados.) Já não está em vigor o Visa on Arrival (visto à chegada) para turistas.

Vê também o artigo: Como fazer a travessia por terra Tailândia – Myanmar


  • Isenção PT/BR: Não existe isenção de visto quer para cidadãos portugueses, quer para cidadãos brasileiros.
  • Taxas: O visto online tem um custo de USD 50 e é enviado por email num prazo de 3 dias úteis. O visto obtido na Embaixada ou Consulado na Tailândia (Bangkok ou Chiang Mai) implica o pagamento de uma taxa de 800 Bahts e é entregue também num prazo de 3 dias úteis no máximo.
  • Validade: Válido para estadias até 28 dias, podendo ser usado dentro do prazo de 90 dias a partir da sua obtenção.
  • Extensão de Visto: É possível estender a validade até um máximo de 14 dias no Gabinete de Imigração em Yangon.
  • Documentos necessários: Passaporte com uma validade superior a 6 meses + fotocópia do passaporte + foto tipo passe recente (2 para o caso da obtenção do visto através de uma embaixada ou consulado)

Moeda

A moeda oficial é o Kyat (MMK).

Verifica aqui a Taxa de câmbio.


Clima

Myanmar apresenta um clima tropical húmido, com 3 estações durante o ano:

  • A estação das chuvas, caracterizada pelas fortes monções, que vai de Junho a finais de Outubro, apesar de se manifestar mais intensamente de Junho a Agosto. As temperaturas podem variar entre os 29º e os 24º.
  • A estação fria, caracterizada por um clima mais ameno, ar mais limpo e menos humidade no ar, é também a época alta a nível de turismo no país e decorre entre Novembro e Fevereiro. As temperaturas podem variar entre os 31º e os 19º.
  • A estação quente, caracterizada pelas suas elevadas temperaturas que poderão atingir os 40º e por um ar quente e algo poeirento, decorre de Março a Maio. As temperaturas podem variar entre os 36º e os 24º.

Transportes

As deslocações dentro de Myanmar podem ser feitas por via aérea ou por via terrestre através das várias companhias de autocarros existentes no país. Os bilhetes poderão ser reservados através do website Myanmar Bus Ticket ou mesmo através das próprias páginas de Facebook de cada companhia.

Principais aeroportos

  • Mandalay
  • Yangon
  • Naypyidaw
  • Bago
  • Heho (para Inle Lake)
  • Nyaung U (para Bagan)
  • Thandwe (para Ngapali)

Principais companhias de autocarros


Como ir

A porta de entrada mais frequente para quem pretende visitar Myanmar é o aeroporto internacional de Yangon.

Verifica os horários e preços dos voos aqui: Voos Myanmar.


Alojamento

Se estás habituada a viajar pelo Sudeste Asiático vais achar os preços do alojamento em Myanmar bastante mais elevados do que os países vizinhos. Grande parte das vezes, para conseguires um alojamento com as condições que conseguirias na Tailândia, por exemplo, por €20 por noite, terás de desembolsar o dobro do dinheiro. Uma cama num dormitório num Hostel dificilmente te ficará por menos de €12 por noite, quando na Tailândia o conseguirias por €5. É sem dúvida um dos elementos que pesa mais no orçamento.

Dá uma vista de olhos nas várias opções de alojamento nos principais destinos em Myanmar para ficares com uma ideia do que encontrar.


Top Locais a visitar em Myanmar

Yangon

Yangon é a maior cidade do país e foi, até 2006, a capital de Myanmar. É normalmente o ponto de entrada de todos os visitantes que aqui chegam por via aérea e o local onde entram em contacto pela primeira vez com a cultura e a forma de estar do povo birmanês. Uma cidade onde os cheiros, as cores e o movimento incessante de pessoas e de carros nos acelera o ritmo e nos prepara para uma das melhores experiências da nossa vida. Vê o artigo abaixo indicado sobre Yangon, para mais dicas úteis.

Yangon, Myanmar | Guia e Dicas de Viagem

Myanmar

Bagan

Bagan, a antiga capital do Reino de Pagan, é um dos locais em Myanmar que não pode faltar num roteiro de viagem por este país. Cerca de 2200 templos, com origem entre os séculos IX a XIII, encontram-se espalhados por uma área vasta mas facilmente percorrida com a ajuda de uma e-bike ou bicicletas eléctricas disponíveis para aluguer por todo o lado. É frequente verem-se balões de ar quente a sobrevoar Bagan. Uma experiência fantástica para quem tiver o budget adequado (cerca de 300 USD) mas magnífica também para os amantes de fotografia que os poderão enquadrar nas suas fotografias ao nascer do sol.

Myanmar

Inle Lake

O Inle Lake é o segundo maior lago de Myanmar, estendendo-se por uma área de cerca de 116km2. De certeza que já viste aquelas famosas fotografias de pescadores equilibrados num remo. São aqui tiradas. Um passeio de barco pelo lago ao nascer do sol é algo que não podes perder, é verdadeiramente mágico. A cidade mais próxima do Lago é Nyaung Shwe onde poderás encontrar alojamento, restaurantes e adquirir os tours no lago a preços acessíveis.

Myanmar

Mandalay

Mandalay é a segunda maior cidade de Myanmar. Aqui, ao contrário de Yangon, são permitidas motas na cidade, o que faz com que aparente ser mais movimentada. No seu centro encontra-se o antigo Palácio Real, rodeado por instalações militares parcialmente interditas a estrangeiros. Uma visita a Mingun, a 1 hora de distância de barco, e à U Bein Bridge a cerca de 20 minutos do centro da cidade são obrigatórias!

Myanmar

Kalaw

Os amantes de trekking não podem saltar uma ida a Kalaw, a poucos kms de distância de Inle Lake. Esta antiga cidade colonial a cerca de 1200mt acima do nível do mar oferece um clima mais ameno e as condições e cenário ideal para a prática de trekking até Inle Lake ou Pindaya.

Myanmar

Hpa An

A cerca de 270 km a Este de Yangon, Hpa An é uma cidade com um ambiente descontraído. Está rodeada por montanhas onde se encontram uma série de grutas que foram ao longo do tempo adornadas com várias estatuetas budistas pela população local. Aqui é igualmente possível subir ao topo do Monte Zwegabin para apreciar as vistas e visitar o Pagoda e Mosteiro que lá se encontram. O lago Kan Thar Yar é dos melhores sitios para veres o pôr-do-sol.

Myanmar

Ngapali (praia)

Myanmar não é um país propriamente conhecido pelas suas praias, mas a verdade é que as que existem são bastante bonitas e interessantes. Ngapali é o principal destino turístico de eleição para uns dias junto ao mar. Está localizado a cerca de 380 km a Oeste de Yangon, e é acessível, para além de terra, por avião (aeroporto de Thandwe). Para além de relaxares em areias brancas decoradas com palmeiras, tens sempre a possibilidade de fazer snorkelling, mergulho, kayaking…

Myanmar

Ngwe Saung (praia)

Ngwe Saung pode ser uma boa alternativa à mais famosa Ngapali Beach. A apenas 5 horas de distância de Yangon (de autocarro) tem um ambiente descontraído e sossegado. É também conhecida por ser um bom destino para os amantes de surf, principalmente no período entre Maio e Outubro (a estação das chuvas).

Myanmar


Boa viagem! 🙂

Nascida e criada em Lisboa, Portugal, mas apaixonada pelo mundo. Adoro partilhar as minhas histórias de viagem, fotografias e videos e aconselhar e inspirar quem partilha a mesma paixão pelas viagens!