Viajar sozinha em segurança | 15 dicas úteis

Uma das primeiras e principais preocupações que surgem à mulher viajante quando pensa em aventurar-se a solo é a de como viajar sozinha em segurança. “Adorava viajar sozinha, mas acho muito perigoso… “, “Não te sentes insegura a viajar sozinha?”: estas são questões que ouço frequentemente e que me passaram também pela cabeça antes da minha primeira viagem a solo.

Para ajudar, criei este artigo com 15 dicas para que te sintas mais confiante e possas vir a viajar sozinha em segurança.

 

Mota eléctrica em Bagan


1. Tenta respeitar ao máximo as regras de vestuário e decoro do país que visitas.

A primeira dica que te posso dar para poderes viajar sozinha em segurança tem a ver com a roupa que usas. Por mais calor que esteja ou por mais em forma que estejas, evita usar calções muito curtos ou decotes acentuados. Para além de não quereres chamar atenções indesejadas é sempre importante respeitares os costumes do país que visitas.

2. Bebe com moderação.

Ficares totalmente vulnerável num país que te é estranho não é de todo aconselhável, por isso bebe a tua cervejinha mas sempre com moderação e nunca percas a tua bebida de vista quando num bar ou discoteca.


Vê também o artigo: Os destinos mais seguros para viajar sozinha


3. Deixa a alguém em casa o teu itinerário.

É sempre importante que alguém em casa tenha uma ideia dos sítios por onde andas ou onde andarás. Se fizeres mudanças de planos a meio da viagem, avisa a tua familia ou amigos.

Viajar sozinha em segurança

4. Digitaliza todos os teus documentos.

Espero que nunca te aconteça, mas a verdade é que a probabilidade de perderes os teus documentos em viagem é algo real, e acredita que não te vais querer sentir assim tão perdida. Por isso tem o cuidado de digitalizares os teus documentos mais importantes antes da partida, guardando as respectivas cópias numa dropbox ou no teu email.

Viajar sozinha em segurança

5. Faz um seguro de viagem.

Esta é outra dica muito importante para quem quer viajar sozinha em segurança. Pode-te parecer uma despesa desnecessária mas acredita que quando viajas, e especialmente quando viajas sozinha, é muito importante prevenir para mais tarde não teres de remediar da pior maneira possível. Acidentes, problemas de saúde, furtos ou perdas de equipamento, atrasos de voos, perdas de bagagem e afins: tudo coberto por um bom seguro de viagem. Um dos melhores do mercado é o da World Nomads.

Vê este artigo com informações mais detalhada sobre o assunto: Seguro de viagem | Vantagens, Coberturas e Simulação

6. Usa roupas e acessórios discretos.

Tenta passar o mais despercebida possível de forma a que não seja tão evidente que és uma turista. Se gostares de usar acessórios (relógios, colares, anéis, etc), usa os mais discretos que tiveres e evita andar com o telemóvel ou a tua máquina fotográfica topo de gama na mão, à vista de toda a gente.

woman-4

7. Não guardes o dinheiro todo no mesmo sitio.

Para tua segurança não andes com o teu dinheiro todo contigo ou não o guardes todo no mesmo sitio. Tenta espalhá-lo por vários locais. Um conselho que me deram um dia foi de colocar algum dinheiro no fundo de uma caixa de tampões: acredita que ninguém se lembrará de procurar aí…!


Vê também o artigo: O que levar na mochila para longas viagens.


8. Uma aliança falsa no dedo poderá ajudar!

Se não andas à procura do teu príncipe encantado em viagem, então uma aliança no dedo (mesmo que falsa) poderá ser bastante útil em determinadas situações mais “complicadas”. Para além desta questão, existem países onde a ideia de uma mulher solteira a viajar sozinha é olhada com desconfiança e muita surpresa. A aliança no dedo (apesar de discutível) poderá conseguir manter algum nível de respeito por parte dos locais para contigo.

9. Solicita ao hotel transporte do aeroporto.

É normal que te sintas menos segura ao chegar a uma cidade nova e desconhecida, pelo que poderá ser boa ideia pedires ao teu hotel/hostel/guesthouse que envie um transporte para te apanhar no aeroporto. É também uma boa forma de evitares possíveis burlas pelos taxistas ou outros transportes locais antes de teres tempo de te habituares aos preços e costumes do país/cidade.

woman-6

10. Se te perderes, tenta olhar o mais discretamente possível para os mapas.

Se te perderes no meio de uma cidade (e é bem provável que aconteça algumas vezes), evita puxar do mapa ou do GPS no telemóvel no meio da rua já que te podes tornar um isco fácil para oportunistas. Se te perderes, entra num café, restaurante ou hotel, consulta o teu mapa ou pede indicações a locais (de preferência a mulheres) e segue depois o teu caminho com um ar confiante e decidido rumo ao teu destino.

Viajar sozinha em segurança

11. NUNCA abandones a tua bagagem.

Se há coisa que nunca podes fazer é perder a tua bagagem de vista. Pode ser roubada, podem colocar-te substâncias menos legais lá dentro… A tua mochila (ou mala) em viagem é a tua casa pelo que faz questão de mantê-la sempre segura e debaixo de olho.

12. Não tenhas problemas em dizer “Não”.

És simpática: óptimo! Quem é que não gosta de uma pessoa simpática e bem educada? Mas para que possas viajar sozinha em segurança, não podes ter medo de dizer “Não” de forma firme e assertiva se a situação ou oferta que te estiver a ser feita não for do teu agrado. Antes da boa educação e da simpatia está a tua segurança.

Viajar sozinha em segurança

13. Se o hotel tiver cofre deixa lá o teu passaporte e objectos de valor.

Como habitualmente fico em hostels ou guesthouses sem cofre, é habitual andar sempre com o passaporte comigo mas se o teu hotel tiver um cofre, deixa lá o teu passaporte e quaisquer outros objectos de valor.

14. Pesquisa ao máximo o teu destino.

Sim, as viagens de improviso são fantásticas. Não planear e ir com o vento ou o sabor das marés é fantástico, não há dúvida, e é uma das grandes vantagens de viajares sozinha, mas assim que decides para onde vais, e tendo em conta que estás sozinha, tenta pesquisar ao máximo informação sobre esse local. Dicas de segurança, as zonas mais (ou menos) aconselháveis, locais mais (ou menos) turísticos, são informações que te poderão vir a ser úteis e te ajudarão a aproveitares ao máximo o teu tempo em cada destino.

Planear uma viagem


Vê também o artigo: Como planear uma viagem de forma independente


15. Não andes sozinha à noite ou por zonas duvidosas.

A última dica que te dou (mas nem por isso a menos importante) para poderes viajar sozinha em segurança é a de evitares ao máximo andares sozinha à noite ou por zonas mais duvidosas. Mesmo que aches que a distância não o justifica, opta por apanhar um transporte de volta para o teu hotel.

Viajar sozinha em segurança


Dica Extra:

Confia SEMPRE no teu instinto. É algo que nunca te falha. Se algo não te parecer muito seguro ou confortável à partida, é porque quase de certeza não o é. Já tive algumas experiências deste tipo e o meu instinto e sexto sentido (algo de que felizmente todas as mulheres são dotadas por natureza) nunca me falharam.

Espero que estas dicas te ajudem a sentir-te mais segura e te permitam acreditar que podes viajar sozinha em segurança. E agora só me resta desejar-te boa viagem! 🙂

Viajar sozinha em segurança

Nascida e criada em Lisboa, Portugal, mas apaixonada pelo mundo. Adoro partilhar as minhas histórias de viagem, fotografias e videos e aconselhar e inspirar quem partilha a mesma paixão pelas viagens!